Absurdo: aborto pode se tornar legal devido a um ministro do STF

Foto

Um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) não esconde dos colegas que se lhe cair nas mãos um processo qualquer contra uma mulher acusada do crime de aborto, ele vai se recusar a puni-la, mesmo que não se trate de caso terapêutico ou resultante de estupro. A informação foi divulgada na coluna Radar da ‘Veja’, de Lauro Jardim.

A publicação não cita o nome do ministro, e afirma que uma decisão dessas, tomada por um ministro do STF, tem força para abrir uma discussão definitiva na corte constitucional, que pode vir a redundar na legalização do aborto.