Aos 113 anos, idoso esbanja vitalidade e diz que segredo está no forró: cheirando o cangote

Foto

Qual o segredo para uma vida longa? Para o aposentado Justino Fernandes da Costa, que mora em Goiânia, o elixir da juventude está no forró.

É dançando muito, bem agarradinho e “cheirando o cangote” das parceiras que ele esbanja vitalidade no alto dos seus 113 anos.

O idoso nasceu em 25 de março de 1906, mesmo ano em que Santos Dumont fez o primeiro voo no 14-Bis. Muitos duvidam da idade, mas o documento está sempre ali, a tiracolo, para comprová-la.

Sempre animado e com um sorriso no rosto, Seu Justino não deixa pergunta sem resposta. Quando questionado sobre qual o principal motivo para conseguir viver mais de um século, ele mostra irreverência.

“Cheirar mulher bonita. Dançar agarradinho e cheirando o cangote delas. [Mulher] bonita, cheirosa e carinhosa”, afirma.

Filho do idoso, Antônio Braga diz que o pai sempre foi bastante animado. “[Ele foi] sempre assim. Gosta de farra, de fazenda”.

Fonte> G1.com