Aplicativo cria história bíblica com as redes sociais

Foto

Um aplicativo foi desenvolvido para contar a história da Bíblia com as imagens pessoais dos leitores. Chamado de Parallel Bible, foi criado pelo missionário e artista de rua Andrew Breitenberg.

Ele conta que passou sete anos pregando nas empobrecidas aldeias da África do Sul e compartilhando o evangelho através de pinturas relacionadas à Palavra de Deus.

A partir dessa experiência surgiu a ideia de fazer com que a leitura da bíblia fosse vista de uma maneira “totalmente nova”. Para isso, ele reuniu o texto bíblico, fotografia e redes sociais.

O conceito é simples. São 618 versículos selecionados que as pessoas podem “ilustrar” com imagens e fotos para compartilhar nas redes sociais. Para Breitenberg seu projeto é “um avanço na concepção de como uma bíblia é feita.”

Ele e seu irmão Chris começaram uma campanha em um site de financiamento coletivo, tendo arrecadado mais de 15 mil dólares. Com esse dinheiro irão imprimir uma versão do Evangelho de Marcos com as “melhores imagens”.

Para o estudioso Stephen Woodworth, o problema com a Parallel Bible é que se torna mais uma tentativa de “diminuir Deus e elevar o homem”. Para ele, o foco da revelação não é a “nossa história” como os irmãos Breitenberg querem propor. A bíblia é a história da relação de Deus com toda a humanidade e o “eu” não deveria estar no centro.