Após sobrevoo, prefeitura de Porto Seguro nega manchas no litoral do município

Foto

Porto

Após o Ibama afirmar ter identificado manchas no litoral do extremo sul baiano, com suspeita de serem resultantes da lama de rejeitos da barragem rompida em Mariana (MG), a prefeitura de Porto Seguro divulgou em nota que “após sobrevoo realizado por técnicos da prefeitura, não foi notada qualquer mancha anormal nas águas do litoral de Porto Seguro”.

Ainda de acordo com o comunicado, as praias do município — entre as quais está Trancoso, Espelho e Caraíva — estão 100% liberadas para uso normal.

A prefeitura ainda ressalta que a mancha foi avistada, segundo o Ibama, na região de Abrolhos, “que fica a mais de 150 km de Porto Seguro”, e que ainda não há comprovação de que se trate da lama de rejeitos.

Fonte> Bahianoticias.com