Bolsonaro diz em vídeo que nunca fez mal a ninguém e se queixa da dor

Foto

Em um vídeo gravado no hospital em Juiz de Fora (MG), o candidato Jair Bolsonaro (PSL) disse que “nunca fez mal a ninguém” e que no momento em que foi esfaqueado sentiu o que parecia “apenas uma pancada”.

Em sua primeira declaração após o ataque nesta quinta (6), ele comparou aquele momento com uma bolada em um jogo de futebol. “A dor era insuportável.

E parecia que tinha algo mais grave acontecendo”, disse ele.

O vídeo foi feito no leito do hospital pelo senador Magno Malta (PR-ES), que foi visitá-lo junto com filhos do candidato a presidente.

Falando com dificuldade, ele agradeceu à equipe de médicos e enfermeiros que, disse, impediu que o pior acontecesse.

“Eu me preparava para um momento como esse, porque você corre riscos”, disse.

Ele lamentou ainda que não poderá comparecer a um desfile de Sete de Setembro, no Rio.