Casados por 50 anos: casal de idosos morre com diferença de cinco minutos no Rio Grande do Sul

Foto

Juntos por mais de 50 anos, o casal Delvino Zanco, de 74 anos, e Maria Soleni Zanco, 72, morreu com apenas cinco minutos de diferença nesta segunda-feira em Passo Fundo (RS), segundo o Hospital São Vicente de Paulo, onde eles ficaram internados por cinco dias.

Os idosos tinham recebido alta pouco tempo antes, mas ambos precisaram regressar.

Chaiane Zanco, de 24 anos, contou que seus avós estavam em quartos separados num mesmo corredor da unidade.

Enquanto sua mãe e um de seus tios estavam no quarto do avô, recebendo a notícia da morte dele, decorrente de uma parada cardíaca, uma enfermeira entrou no local para avisá-los que a avó também tinha morrido.

De acordo com a assessoria de imprensa do hospital, a baixa imunidade do paciente resultou num agravamento da pneumonia que ele havia contraído, e o idoso morreu às 9h25 desta segunda-feira.

A dona Maria Soleni, porém, tinha um histórico de três casos de acidente vascular cerebral (AVC).

Com sequelas, já havia passado por outras internações.

Seu estado que, segundo a neta, já estava delicado, se complicou nos últimos dias também devido a uma pneumonia. A morte dela foi registrada às 9h30 do mesmo dia que a do marido.

— A gente sabe que é difícil, mas foi bonito (vê-los partindo juntos) — disse Chaiane. — Eles sempre ficaram juntos, a vida inteira.

Nesses mais de 50 anos, não se separaram nunca. Minha avó ria de tudo, e o vô viveu a vida dele pra fazê-la dar risada. Ele gostava de fazer piadas.

A neta contou que o primeiro AVC da avó ocorreu em 2011.

Com o passar do tempo, ela ficou mais dependente de cuidados para ações simples do cotidiano, como se alimentar, tomar banho e ir ao banheiro.

Era seu avô o responsável por tal comprometimento.

 

 

 

 

Fonte> Extra