CNT: 52,1% dos brasileiros apoia condenação de Lula

Uma pesquisa encomendada pela  Confederação Nacional do Transporte (CNT) ao Instituto MDA mostra que para 52,1% da população defende que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deveria ter sido condenado pela 8ª turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), no dia 24 de janeiro, durante o julgamento da ação penal do triplex do Guarujá, atribuído ao petista. 

Para 37,6%, Lula deveria ser inocentado.

De acordo com a CNT, a pesquisa ouviu 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 Unidades Federativas entre os dias 28 de fevereiro e 3 de março de 2018. 

A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais e a margem de confiança é de 95%.