Ejaculação precoce não é doença:diz médico

Foto

Por Agnaldo Santos-A ejaculação precoce é um problema que vem assombrando homens de todo o mundo, por se tratar de uma inadequação sexual e falta de capacidade de assegurar o seu intento em pleno ato sexual, deixando assim a parceira Insatisfeita quanto ao desenvolvimento e desejo no complemento do orgasmo. Esta inadequação acontece devido devido a fins psicológicos ou orgânicos que podem ser resolvidos com tratamento psicoterápico. A disfunção pode estar ligada a – problemas urinários, doenças sexuais, prostáticas, diabetes, hipertensão e uso demasiado de medicamentos.Falta de emprego, stress e preocupações, são itens inibidores do bom apetite sexual.Deixando o homem em posição incomoda e extremamente desconfortável.Quem sofre as conseqüências na relação onde existe a ejaculação é a parceira do ejaculador.

De acordo com o clinico geral Aníbal de Holanda Cavalcante e presidente da fundação hospitalar de camacan a ansiedade do homem moderno é uma das principais causas geradora desta ejaculação indesejável.
Ele relatou que a ansiedade por uma posição profissional mais confortável, uma posição diante da sociedade, falta de dinheiro são coisas que acarretam este problema.
Ele destacou que a mulher moderna que tem vida sexual ativa que procura novidades na área sexual deixa o homem inseguro.
Ele relatou que historicamente falando, o homem sempre teve a mulher como pessoa submissa e ele sempre se sentiram o senhor de si mesmo.
Ele explica que as mulheres dos dias atuais conhecem os seus direitos, seu corpo e isso de alguma forma levam o homem a se questionar até mesmo da sua própria masculinidade.
“Essa insegurança é um dos principais fatores de ejaculação precoce”.
Não é doença
Aníbal de Holanda Cavalcante, explica que a ejaculação precoce não é doença e sim uma disfunção orgânica e a sua causa básica não é a ejaculação em si é o que ocasiona a ejaculação de forma secundária.
o médico explica que cão deve ser levado a sério onde o parceiro deve ter uma cumplicidade muito grande com a parceira para que ambos dialoguem e tentem usar técnicas que façam com que o tempo de orgasmo do homem se prolongue.
Ele destacou que os exercícios e as posições sexuais são muito importantes na inibição dessas ejaculações e indicou:
“O alto controle tem que partir do homem”, disse.
Ele disse também que o uso da camisinha é um grande aliado do homem contra a ejaculação precoce. “A camisinha não é só uma barreira contra as DSTs, mas ela faz o papel da segunda pele do pênis diminuindo assim a sensibilidade da glande fazendo com que o homem tenha um tempo maior para um orgasmo perfeito.
Ele informou que a alta confiança e alto estima tem que estarem aliados neste contexto e muitos casos tem que haver um treinamento prévio, pois a ansiedade é a propulsora da famigerada ejaculação precoce.
 O que é ejaculação precoce?
 É quando o homem chega ao ápice da relação –antes, durante ou logo após a penetração– com o mínimo de estímulo sexual e sem ter desejado. Esse descontrole deve ser persistente, repetitivo e causar sofrimento acentuado ou dificuldade interpessoal.
 Qual o tempo mínimo para atingir o orgasmo?
 Alguns pesquisadores afirmam que ejacular antes de um minuto após a penetração é o que caracteriza uma ejaculação precoce. Porém, o tempo que a mulher leva para atingir orgasmo é muito variável. Até por razões de repressão cultural, a resposta sexual feminina foi sempre mais demorada: por volta de 10 a 15 minutos, segundo inúmeras pesquisas.
 A mulher pode colaborar com o tratamento?
Uma mulher compreensiva e disposta a ajudar é fundamental no sucesso do tratamento. Se o ato sexual for encarado mais como uma troca de afeto e menos como uma corrida pelo orgasmo, as chances de melhorar o prazer aumentam. Mulheres competitivas e dominadoras, no entanto, tendem a agravar a situação. 
 Existe cura para essa disfunção sexual?
Sim. Atualmente, o problema é tratado com psicoterapia, com medicamentos ou com uma combinação das duas. Há dois tipos de ejaculador precoce: o primário, que apresenta a disfunção desde o início da vida sexual, e o secundário, aquele que adquiriu o problema depois de ter tido relações satisfatórias por alguns anos.
 Porque alguns homens apresentam ejaculação precoce?
 Muitos homens têm suas primeiras transas com prostitutas (que muitas vezes aceleram o ritmo da relação para acabar logo) ou em situações stressantes (dentro de um carro, na casa dos pais da namorada, no elevador, etc). “Antigamente, gozar rápido era sinal de virilidade. Hoje com a mudança de comportamento das mulheres,mais seguras e exigentes,deixaram os homens confusos e ansiosos.
 Existe algum treino físico para melhorar o controle sobre a ejaculação?
A técnica mais famosa é a chamada “start-stop” (começa-pára). O homem deve se masturbar e interromper os movimentos quando perceber que está prestes a gozar. Deve ficar parado até que sensação premonitória da ejaculação desapareça e depois reiniciar os movimentos. Dessa forma, o homem passa a reconhecer os sinais que antecedem o gozo. Também pode ser feito com a ajuda da parceira.
 Os homens maduros ejaculam menos rápido?
Por serem mais experientes e seguros,tem um controle ejaculatório melhor e mais demorado.Os jovens por serem menos experientes tem nível maior de ansiedade e confiança reduzida quanto ao desempenho sexual. 
 Existe alguma posição sexual que favoreça ou não o controle da ejaculação?
 A mulher por cima, deixando os movimentos somente com o parceiro, é uma das primeiras indicadas nas terapias sexuais.
A ejaculação representa o fim da relação sexual?
Se existe amor e cumplicidade não.Mesmo depois da ejaculação, se o movimento sexual continuar, a mulher pode chegar ao orgasmo ou através de carícias e manipulações.
 O uso de preservativos ajuda ou atrapalha?
É relativo. Alguns ejaculadores precoces acreditam que a camisinha diminui a sensibilidade e, dessa forma, dá mais chances de segurar os impulsos –há quem use dois preservativos.
Fonte: Otempojornalismo.com.br