Escrito com sangue: Presos matam colega de cela na Bahia e deixam mensagem para juiz

Foto

Um detento foi morto na cidade de Barreiras, região oeste da Bahia, neste domingo, dia 20, e policiais encontraram um bilhete para um juiz que pode ter sido escrito com o sangue da vítima. Segundo informações do site Barreiras Notícias, Adailson Barbosa Vieira, 21 anos, conhecido como “Ceará Macumbeiro”, era acusado de diversos homicídios no município.

Ainda segundo o site, Adailson teria tido partes do corpo arrancadas, além de ser espancado e decapitado pelos companheiros de cela. A cadeia está com o número de 100 presos, quando a sua capacidade é para 33 pessoas.

No bilhete, estava escrito: “queremos nossos direitos, estamos com fome, cobal (termo usado para a prática em que os familiares levam comida, medicamentos e roupas para os detentos) e visitas toda semana”.

No final de outubro, outro caso foi registrado no mesmo local. Desta vez, a vítima foi Ângelo Cássio Araújo, 40 anos, segundo o site Barreiras Notícias. No corpo da vítima, havia uma mensagem que dizia: “solta Gabriel”, que seria o nome do juiz da vara crime da cidade.

Fonte> Teixeiranews