Iguaí: Operação prende quatro envolvidos na morte de líder do MST morto em 2013

Quatro acusados de envolvimento no homicídio de Fábio Santos, líder regional do Movimento Sem Terra (MST) foram presos na manhã desta quarta-feira (11), durante a operação “Vaso de Salomão”, deflagrada pela Polícia Civil em Iguaí, no sudoeste do estado.

O crime aconteceu em abril de 2013. Na operação, 15 equipes policiais cumpriram seis mandados de prisão e 22 de busca e apreensão em diferentes localidades.

Revólveres, espingardas, um rifle e munições foram apreendidos na operação, enquanto Délcio Nunes Santos, Arenaldo Novais da Silva, o “Dena”, Márcio Fabiano da Cunha Borges e Neuton Muniz da Silva foram presos.

A operação foi realizada por equipes do Grupo Especial de Mediação e Acompanhamento de Conflitos Agrários e Urbanos (Gemacau), e dos departamentos de Polícia do Interior (Depin) e de Inteligência Policial (DIP), a ação tinha como objetivo o cumprimento de mandados em Vitória da Conquista e Nova Canaã.

Com as prisões preventivas decretadas, os suspeitos localizados foram encaminhados para o Conjunto Penal de Vitória da Conquista.

Welder Leonardo Gusmão Amaral e Ricardo Neves de Oliveira, que também eram alvos da operação por estarem envolvidos na morte do militante, continuam sendo procurados pela polícia.

 

 

 

Fonte> Bahia Notícias