Liberação de Lúcio Pinto pelo TSE mexe com estratégias políticas em Porto Seguro e Belmonte

Foto

Na tarde da última quinta-feira (19/05) uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral deu uma reviravolta nas políticas de Porto Seguro e Belmonte.

Estamos falando da decisão tomada pela ministra Luciana Lóssio liberando a pré-candidatura  do empresário Lúcio Pinto à Prefeitura Municipal de Porto Seguro.

Na decisão a ministra acatou o pedido de elegibilidade de Lúcio Caires Pinto e por extensão, de Leandro Moreira de Souza, em processo que tramitava no TSE.

Também afastou qualquer possibilidade de multa ou outros encargos, por entender que não houve qualquer irregularidade no processo eleitoral, por parte de Lúcio Pinto ou Leandro.

O ato foi muito comemorado pela base de partidos aliados que apoiam a pré-candidatura do empresário.

Ubaldino Júnior, articulador e liderança política de oposição à Prefeita Claudia Oliveira, recebeu a notícia com alegria e já prepara as estratégias para o grande embate político que será travado em Porto Seguro nas eleições desse ano.

O Deputado Estadual Jânio Natal também recebeu com alegria a notícia e comentou em sua página nas redes sociais que a decisão foi um ato de inteira justiça e que foi muito comemorada em Porto Seguro onde Lúcio Pinto vai muito bem em todas as pesquisas e aparece como um forte concorrente à prefeitura da cidade nas próximas eleições.

As estratégias políticas em Belmonte também deram uma guinada, já que, os líderes políticos na cidade já estavam comemorando um possível enfraquecimento da candidatura do irmão de Jânio Natal, o agricultor Janival Andrade, já que, o nome de Jânio Júnior, filho do deputado, estava cotado para entrar na vaga de Lúcio Pinto, caso ele continuasse inelegível.

Os opositores políticos do deputado previam que Jânio não investiria em uma política em Belmonte e ira preferir cuidar pessoalmente da possível candidatura política do filho em Porto Seguro.

Com essa situação, as eleições belmontenses seriam disputadas entre a Prefeita Alice Britto e o seu antecessor, o ex-prefeito Iêdo Elias, ficando Janival em terceiro por falta de recursos para a campanha.

O Deputado Estadual Jânio Natal sempre negou essa hipótese e comentou que o foco dele é a candidatura do seu irmão em Belmonte.

Fonte> Belmentenews