Meninas são amarradas por vários dias após conversão: `É difícil, mas queremos Jesus´

Foto

Duas irmãs adolescentes que se converteram do animismo ao cristianismo foram amarradas e trancadas por causa de sua nova fé por quatro dias, em Laos, por seus familiares.

Nani, de 17 anos, e Nha Phong, de 16 anos, se converteram ao cristianismo em 2016 depois de serem evangelizadas por um primo.

“Ele é pastor numa igreja perto da nossa aldeia. Gostei muito do que eu escutei, e por isso eu me tornei cristã”, disse Nani à organização Portas Abertas.

As irmãs logo se envolveram em uma igreja, mas sua nova fé teve repercussões entre a família. Os pais e os parentes das meninas, que são animistas devotos, se opuseram fortemente à decisão de se tornarem seguidoras de Jesus.

“Uma vez, quando nós fomos à igreja, nossa família ficou muito brava com a gente. Eles nos disseram para não ir.

Meu primo e meu sobrinho disseram que eu precisava voltar para minha antiga religião, senão eles iriam me bater e me forçar a sair da igreja”, disse Nani.

Três semanas depois, quando as meninas foram para a igreja, seus familiares — cerca de seis a nove pessoas — as seguiram e as arrastaram para fora do culto.

Elas foram levadas de volta à sua aldeia, onde foram trancadas e mantidas amarradas durante vários dias.

 

 

 

Fonte> CPADnews