Numero de mortos pela violência em Eunápolis mostra que estamos em uma guerra

Foto

Eunápolis – de janeiro até hoje dia 2 de maio de 2016, já foram mortas cerca de 47 pessoas e  boa parte destes assassinatos, estão envolvidas direta ou indiretamente ao tráfico de drogas.

A luta pelo controle do tráfico, por manter debaixo das mesmas mãos os crimes estão transformando a cidade de Eunápolis em palco de sangue e de interesse perigosos.

Ao que se comprova o crime organizado toma conta dos jovens que querem e vem no crime sua única fonte sobrevivência, mesmo que essa ponha sua vida em risco.

E estes números mostram e confirmam que esta guerra esta ceifando nosso futuro.

 Considerado as analises feitas pela reportagem de Atos Noticias, dos homicídios provocados por essa guerra que esta levando principalmente jovens entre a faixa dos 17 anos a 21 anos; justamente a faixa de idade onde o jovem esta formando sua personalidade e que o planejamento no desenvolvimento profissional deveriam ser a base deste jovem, estão sendo  trocadas pelas facilidades da ilusão e do dinheiro fruto da ganancia e da vaidade.

E que não sobram muitas alternativas; ou é hospital, o presidio ou o cemitério.

Na região da Costa do Descobrimento, segundo o Mapa da Violência,  os homicídios superam as mortes por acidentes de trânsito e doenças não transmissíveis.

Em outras palavras números de guerra e que se equaliza com os números nacionais. No Brasil, 57,6% tiveram com vítimas jovens com idade entre 15 a 29 anos. Destes, 93,3% eram homens e 77%, negros.

 

Segundo informações publicadas pelo blog Trabuco Noticias a maioria dos casos, as vítimas foram mortas a tiros, e as idades variando entre 17 e 43 anos. Ainda segundo o blog as armas de fogo foram as mais utilizadas nos crimes. A matéria informa de maneira objetiva que a maioria dos mortos então envolvido com entorpecentes e, são do sexo masculino.