Operação Faroeste: Polícia Federal prende desembargadora do TJ-BA nesta sexta

Foto

A Polícia Federal prendeu preventivamente, na manhã desta sexta-feira (29), a desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, ex-presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), em nova fase da Operação Faroeste, que investiga um esquema de corrupção e venda de sentenças.
 
A ordem de prisão foi expedida pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Og Fernandes, relator do caso, após pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR).

O magistrado também converteu, nesta sexta, as prisões temporárias cumpridas na semana passada em preventivas, com exceção do juiz Sérgio Humberto, preso no último sábado (23).

A Polícia Federal encontrou no quarto da desembargadora cerca de R$ 100 mil em espécie, sendo que, do total, foram encontrados R$ 56,5 mil, 9 mil euros e 200 dólares.

A operação foi realizada em duas residências da desembargadora, uma delas no bairro do Canela, em Salvador, além do gabinete na sede do TJ-BA.

Em uma das residências, ainda foi encontrado um grande estojo do tipo mostruário com “adornos femininos, contendo colares, anéis, relógios, brincos”, além de três relógios Rolex.

A Polícia Federal não constatou se os relógios são réplicas ou originais. Durante a busca e apreensão também foram encontrados muitos quadros na casa. 

 

 

 

 

 

Fonte> Bocãonews