Pastores Valdomiro Pereira e Israel Alves se perdoam e chega ao fim a disputa entre ADESAL e CEADEB

Foto

A disputa pelo comando da Assembleia de Deus de Salvador (ADESAL) e a  Convenção Estadual das Assembleias de Deus na Bahia (CEADEB) chegou ao fim na tarde desta quinta-feira (28), após oito anos de embates judiciais, que geraram muitos prejuízos à obra de Deus,  e consequentemente, a saída de centenas de membros/obreiros da ADESAL.

A reunião que selou a reconciliação entre as lideranças das duas instituições, pastor Israel Alves Ferreira (ADESAL) e o pastor Valdomiro Pereira (CEADEB), foi conduzida pelo pastor  Luiz César Mariano, representando o presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) e aconteceu no Centro de Cultura Evangélica da Convenção CEADEB, após prévio agendamento pelo Conselho Consultivo da ADESAL.

Segundo informações obtidas pelo JM Notícia, a reunião aconteceu em um clima de muita paz, harmonia, quebrantamento espiritual e pedido de perdão de ambas as partes.

Ao JM Notícia, o pastor Israel Alves Ferreira confirmou que vai assumir o campo de Ilhéus por indicação da CEADEB, que houve o entendimento de paz entre as duas lideranças e que é um homem da paz.

“Eu estou tranquilo, sempre fui da paz, não gosto de conflito, nossa guerra é no mundo espiritual […] nós nos entendemos e chegamos a um entendimento, houve perdão e estamos tranquilos”.

Durante a reunião, ficou decido que o pastor Israel Alves será jubilado pela ADESAL, voltará a ser filiado à CEADEB e irá presidir o campo de Ilhéus.

 

 

 

 

Fonte> JMNOTÍCIAS