PF inicia ação que combate crimes praticados na internet

A PF (Polícia Federal) iniciou nesta quinta-feira (10) uma ação que combate crimes de racismo, ameaça, incitação ao crime e terrorismo, praticados via internet.

Batizada de operação Bravata, a ação conta com a atuação de 60 policiais federais.

Estão sendo cumpridos um mandado de prisão preventiva e oito de busca e apreensão nas cidades de Curitiba (PR), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Recife (PE), Santa Maria (RS) e Vila Velha (ES). 

Os investigados vão responder pelos crimes de associção criminosa, ameaça, racismo e incitação ao crime. A pena para os crimes pode chegar a 39 anos. 

 Os alvos da operação utilizavam sites e fóruns na internet para incentivar crimes, como estupro e assassinato de mulheres e negros.
Também incentivavam o terrorismo, já que encontraram evidências de que os mesmos foram responsáveis por ameaças de bomba encaminhadas a diversas universidades do país.

Segundo a PF, Bravat significa “intimidação, ação ou dito de quem faz ameaças de maneira insolente, fanfarrice, comportamento de quem ostenta suas próprias qualidades, ação da pessoa presunçosa, arrogante, modo de agir de quem faz alarde de uma coragem que não possui”. 

 

 

Fonte> R7.com