Prefeito Robério deixa professores sem salário e categoria protesta em Eunápolis

Foto

A jornalista Alinne Werneck cobriu a manifestação que ocorreu no pátio da prefeitura, no bairro Centauro, em frente à porta da Secretaria de Administração.

A semana começou com uma manifestação de servidores municipais da Educação, nesta segunda-feira, 4 de novembro.

Mais de 100 funcionários, entre professores, monitores, diretoras de escola, serventes, merendeiras, porteiros, até garis, estão revoltados com o prefeito Robério Oliveira pelo não pagamento do salário de Outubro até o momento.

“O prefeito e os secretários escolheram a quem pagar e a quem não pagar, afrontando a lei”, disse um servidor revoltado.

Faltou dinheiro:

O secretário Luís Otávio Borges disse que a prefeitura está sem dinheiro para pagar o salário de todos servidores.

Já a secretária de Educação, Maureen Lacerda, esposa do vereador Querubino, disse que a prefeitura tem até o 5º dia útil para pagar, o que foi desmentido pela professora Érica: “O 5º dia útil não se aplica ao servidor público”, disse a professora. 

 

 

 

 

 

 

Fonte> Bahia40graus