Preso em SP, dez de ouros é apresentado pela polícia

Foto

Antônio Dias de Jesus, de 33 anos, o ‘Colorido’ ou o ‘dono’ de Pojuca – como se autointitula, segundo a Polícia Civil -, foi apresentado nesta segunda-feira, 29, no auditório do Draco, localizado no prédio do Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), no bairro da Pituba, em Salvador. Ele foi preso em São Paulo, na manhã de domingo, 28, após passar dois anos foragido.

‘Colorido’ foi localizado por policiais do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), em uma casa, no Jardim São Carlos, no distrito de Guaianazes, depois de dois meses de investigação.

Quatro mandados de prisão pelos crimes de homicídio, tentativa de homicídio, tráfico de drogas e extorsão seguida de morte foram cumpridos contra ele. Um ex-comparsa de Colorido ajudou a polícia a encontrá-lo. O homem, que não teve o nome revelado, foi traído pelos parceiros de bando e sobreviveu a uma tentativa de homicídio ordenada pelo próprio ‘patrão’.

Integrante da Facção Caveira, ‘Colorido’ é apontado pela polícia como mandante de vários homicídios e roubos a bancos, além de líder do tráfico de drogas de diversas quadrilhas da RMS.

 

Fonte Atarde.com